Alerta para este carnaval – consumo excessivo de álcool afeta a fertilidade

A competência reprodutiva do casal é reduzida entre 30 e 50% com a ingestão diária de 200 mililitros de vinho ou uma garrafa de cerveja…

         Com a chegada do feriado de carnaval, muitas pessoas exageram nas comemorações com o abuso de bebidas alcoólicas. Muitos homens e mulheres entendem que os perigos deste excesso se limitam a acidentes automobilísticos, brigas e a famosa ressaca do dia seguinte. Entretanto, o médico gaúcho João Sabino da Cunha Filho, diretor do Centro de Reprodução Humana Insemine, explica que o álcool pode afetar de forma direta a fertilidade de ambos os sexos.

        ”No homem, o álcool reduz os níveis de testosterona e a qualidade e quantidade do espermatozoide. Pois, as células produtoras de testosterona atrofiam e há uma diminuição dos hormônios masculinos. O álcool pode, também, afetar o desejo sexual e levar a impotência por danos causados nos nervos ligados a ereção”, menciona Sabino.

Veja também

Sexóloga Franciele Minotto, do Sexo Lacrado, explica as consequências da falta de prevenção no Carnaval